top of page

Julho Amarelo



As hepatites virais podem não apresentar sintomas durante um período da infecção e passam despercebidas por pelo menos 1 milhão de pessoas no Brasil, que convivem com a infecção sem saber.

O mês de Julho foi escolhido na cor amarela, para lembrar a população da importância da prevenção e tratamento da doença.


Hepatite

Trata-se de uma inflamação no fígado que pode ser decorrente de diversas causas: infecção, uso de medicamentos, uso de álcool e outras drogas, doenças autoimunes, metabólicas ou genéticas. Alguns dos sintomas mais comuns são cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. No Brasil, as hepatites virais mais comuns são causadas pelos vírus A, B e C. Existem ainda, com menor frequência, a hepatite causada pelo vírus da hepatite D (mais comum na região Norte do país) e o vírus da hepatite E, que é menos frequente no Brasil.


Qual é o tratamento da hepatite?

A hepatite tem cura e geralmente é preciso deixar com que o corpo do paciente se cure naturalmente, dando remédios que tratam somente dos sintomas dessa condição, como a dor abdominal.

Existem medicamentos para hepatite A, B e C que são antivirais e conseguem ajudar o corpo a combater o vírus.

No caso de hepatite medicamentosa, o paciente pode não receber nenhum medicamento, para permitir que o fígado se regenere naturalmente.

Com boa dieta e respeitando o repouso, é possível se recuperar da hepatite sem maiores problemas.


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page