top of page

Dia Nacional de Conscientização Sobre a Esclerose Múltipla



A esclerose múltipla é uma doença neurológica que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Por isso 30 de agosto foi escolhido para comemorar o Dia Nacional de Conscientização Sobre a Esclerose Múltipla, com o objetivo de aumentar a visibilidade da doença, discutir o seu impacto na vida das pessoas e desmitificar essa condição.


Os sintomas iniciais da esclerose múltipla podem ser sutis e muitas vezes são confundidos com outras condições. Aqui estão alguns sinais que podem indicar a necessidade de uma avaliação médica mais detalhada:

  • Fadiga Extrema: Um dos sintomas mais comuns da esclerose múltipla é a fadiga intensa e inexplicável, que não melhora com o repouso.

  • Problemas de Visão: Visão turva, perda temporária de visão em um olho, visão dupla ou dor ao movimentar os olhos podem ser indicativos.

  • Problemas de Coordenação e Equilíbrio: Dificuldade em andar, falta de coordenação, tremores e sensação de tontura podem ocorrer devido à interferência nos sinais nervosos.

  • Formigamento e Dormência: Sensações de formigamento, dormência ou fraqueza em partes do corpo podem ocorrer, geralmente nos braços, pernas ou rosto.

  • Alterações Cognitivas: Dificuldade de concentração, lapsos de memória e dificuldade em encontrar as palavras certas são possíveis sintomas.

  • Problemas de Bexiga e Intestino: Dificuldade em controlar a micção, urgência urinária e constipação podem ser observados.

  • Dor: Dores crônicas, como dores musculares e espasmos, também podem ser um sintoma da doença.


O que causa?

Acredita-se que a esclerose múltipla é causada por uma combinação de fatores, incluindo predisposição genética (com alguns genes que regulam o sistema imunológico já identificados) e fatores ambientais, tais como infecções virais, deficiência de vitamina D, tabagismo e obesidade.


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page